Congresso da PAV e CNBB é “coroamento da Campanha da Fraternidade”, afirma dom Geraldo Lyrio

O presidente da Conferência Nacional da CNBB, dom Geraldo Lyrio Rocha, afirmou, na tarde desta terça-feira, durante a abertura do Congresso Internacional “Pessoa, cultura da vida e cultura da morte”, que o evento “se constitui em verdadeiro coroamento da Campanha da Fraternidade deste ano”. A abertura contou com a presença do núncio apostólico no Brasil, dom Lorenzo Baldisseri; do chanceler da Pontifícia Academia para a Vida, Mons. Ignácio Carrasco de Paula; do secretário geral da CNBB, dom Dimas Lara Barbosa; do arcebispo de Campinas, dom Bruno Gamberini; do membro da PAV, padre Aníbal Gil Lopes, e do responsável pela Casa de Retiros Vila Kostka, padre Emmanuel.

Segundo dom Geraldo, o Congresso estreita a relação entre a Pontifícia Academia para a Vida, organizadora do evento junto com a CNBB, e as dioceses. “Sua finalidade [do Congresso] é buscar estabelecer uma relação mais estreita entre esse importante organismo da Santa Sé, responsável pela reflexão acadêmica sobre as questões da Vida, e a missão pastoral dos bispos e das Igrejas locais”.

Leia, abaixo, a íntegra do discurso de dom Geraldo Lyrio Rocha.
——————————————————————————–

Palavras do Presidente da CNBB na abertura do Congresso Internacional promovido pela CNBb e a Pontifícia Academia para a Vida

A Campanha da Fraternidade que, por iniciativa da CNBB, se realiza em todo o Brasil, neste ano, teve como tema Fraternidade e Defesa da Vida e como lema: “Escolhe, pois, a vida” (Dt 30,19).

A escolha desse tema foi o fruto de um longo processo de reflexão, iniciado nas comunidades eclesiais espalhadas por todo o Brasil, sobre a opção pela vida frente à cultura da morte. Tal escolha reflete, também, a resposta ao chamado profético do Papa João Paulo II que, de forma firme e clara, tantas vezes se pronunciou sobre os diferentes aspectos dessa questão. Foi com o propósito de fomentar a reflexão acadêmica multidisciplinar sobre as questões relacionadas com a dignidade da pessoa humana desde a fecundação até a morte natural que o saudoso Papa João Paulo II criou, através do motu proprio “Vitae Mysterium”, de 11 de fevereiro de 1994, a Pontifícia Academia para a Vida, constituída por insignes especialistas em diferentes áreas, tais como as das ciências biomédicas, direito, sociologia, filosofia e teologia, entre outras. Essa Academia vem, desde então, produzindo, ano após ano, excelentes subsídios que, de forma competente, abordam as delicadas questões referentes à defesa e promoção da vida.

A Pontifícia Academia para a Vida, acolhendo a solicitação da Presidência da CNBB, aceitou que pudéssemos realizar este Congresso. Sem dúvida esse evento se constitui em verdadeiro coroamento da Campanha da Fraternidade deste ano, com o lema “Escolhe, pois, a vida” (Dt 30,19).

Este é o primeiro Congresso desta natureza, organizado sob os auspícios de uma Conferência Episcopal e da Pontifícia Academia para a Vida. Sua finalidade é buscar estabelecer uma relação mais estreita entre esse importante organismo da Santa Sé, responsável pela reflexão acadêmica sobre as questões da Vida, e a missão pastoral dos bispos e das Igrejas locais.

Expresso alegria e gratidão pela benevolência de Mons. Elio Sgreccia, Presidente Emérito da Academia, que acolheu generosamente nosso pedido, permitindo que nosso sonho se tornasse realidade. Quero, também, expressar nosso agradecimento a todos os conferencistas que aceitaram colocar em comum o fruto de seus estudos e reflexões. Sei de seu empenho na busca da verdade e de suas muitas horas de trabalho intelectual que são de grande valia para a construção do Reino do Senhor Jesus.

Deus nos ajude para que estes dias de reflexão, estudo, aprofundamento e convivência nos permitam realizar o grande chamado da Conferência de Aparecida para sermos “discípulos e missionários de Jesus Cristo, para que nele nossos povos tenham vida”.
O Espírito de Deus, “Senhor que dá a vida”, nos acompanhe nestes dias e nos ilumine sempre a fim de que, com renovado ardor missionário, possamos prosseguir em nossa ação evangelizadora para que “todos tenham vida e a tenham em abundância” (Jo 10,10).
Agradecemos ao Santo Padre Bento XVI a mensagem que nos dirige, transmitindo-nos palavras de estímulo e enviando-nos sua Bênção Apostólica.

Sejam bem-vindos ao nosso Congresso!

Itaici-Indaiatuba – São Paulo, 25 de novembro de 2008

Dom Geraldo Lyrio Rocha
Arcebispo de Mariana
Presidente da CNBB
 

Autor: PastoralFamiliar

Compartilhar esta matéria no

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.