Coordenação Executiva e Assessoria Pedagógica projetam ações da Pastoral Familiar

A Coordenação Executiva Nacional da Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF) e a equipe de Assessoria Pedagógica Nacional da Pastoral Familiar reuniram-se virtualmente, no dia 20 de junho, por meio de videoconferência, para alinhar e projetar ações da Pastoral Familiar no Brasil.

Na ocasião, foi possível aos casais e assessores conhecerem mais sobre o trabalho que tem sido desenvolvido em cada um dos três setores da Pastoral Familiar e as iniciativas planejadas pela Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB, à qual a CNPF está vinculada, além de propor novas ações.

Temos uma obrigação de dinamizar a Pastoral Familiar dentro do tempo presente, sempre em consonância com a nossa Igreja para que possamos caminhar de uma forma segura”, afirmou o assessor da Comissão para a Vida e a Família da CNB e secretário executivo da CNPF, padre Crispim Guimarães.

Para dom Ricardo Hoepers, bispo de Rio Grande (RS) e presidente da Comissão para a Vida e a Família da CNBB, a CNPF tem “um trabalho belíssimo” e que deve sua organização deve estar voltada para as dioceses, “onde está a raiz da Pastoral Familiar”. Dom Ricardo ainda ressaltou a necessidade de suporte teórico para rever e atualizar o Diretório da Pastoral Familiar, publicado em 2004.

Ideias para o trabalho

Os participantes responsáveis por cada setor foram convidados a apresentar ideais que podem ser implementadas durante o período de mandato nas respectivas coordenações.

O casal coordenador do Setor Pré-Matrimonial, Alisson e Solange Schila, projeta a atuação em uma “linha de continuidade” e pretendem oferecer para a preparação para o Sacramento do Matrimônio ações que envolvam os sacramentos da iniciação à vida cristã, integrando as pastorais das dioceses ao setor. “É preciso levar a evangelização para dentro das casas, itinerários pedagógicos da fé, famílias missionárias e famílias catequistas, não para dar soluções aos problemas e sim poder dar um norte”, sugeriram.

O casal coordenador do Setor Pós-Matrimonial, Ronaldo e Tatiana Miliante, relatou que estão formando uma equipe de produção e já possuem vários membros de diversos movimentos pastorais com participações confirmadas, com o objetivo de obter ideias de temas que possam trabalhar com os recém-casados, em relação à espiritualidade, à chegada do primeiro filho e à questão financeira.

Responsáveis pelo Setor de Casos Especiais, padre Fernando e o casal Afrânio e Flávia Soares pretendem colher informações sobre o trabalho realizado nos regionais, de modo a dar continuidade, e salientaram a abrangência do setor, que envolve não só as novas uniões, mas 40 realidades distintas.  

Vida

Na área da vida, segundo dom Ricardo Hoepers, são vários assuntos urgentes para serem divididos e tratados pelos setores, como família com deficiências, autismo, microcefalias, adoção de crianças com deficiências e casais com doenças degenerativas. A sugestão foi que, após formação com casais indicados pelos regionais para acompanhar e dinamizar as questões da vida, fosse escolhido entre eles um casal coordenador e um padre assessor.

Nova coordenação do INAPAF

Durante o 10º Simpósio Nacional das Famílias, no dia 23 de maio, houve a posse simbólica do casal Faustino Suchla e Eloina Suchla como novos coordenadores do Instituto Nacional da Família e da Pastoral Familiar (INAPAF). Eles dão sequência ao trabalho desenvolvido pelo casal Cláudio e Maria do Rosário nos últimos anos.

Durante a reunião, Faustino e Eloina comentaram que estão contentes e motivados com a missão, “um pouco inexperientes em coordenar, e que aos poucos estão compreendendo o verdadeiro sentido deste trabalho”.

Composição

Direção Executiva Nacional e da Equipe de Assessoria Pedagógica

Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família
Presidente: Dom Ricardo Hoepers
Conselheiros: Dom Armando Martín Gutiérrez e Dom Bruno Elizeu Versari
Assessor: Padre Crispim Guimarães dos Santos

Casal Coordenador Nacional
Luiz Stolf e Katia Stolf (Sul 4)

Casal Vice coordenador Nacional
Roque Rhoden e Verônica Rhoden (Oeste 2)

Casal Coordenador do INAPAF
Faustino Suchla e Eloina Suchla (Sul 2)
Assessor Coordenador do INAPAF
Padre Tiago Silva (Leste 2)

Casal Coordenador do Setor Pré-Matrimonial
Alisson Schila e Solange Schila (Oeste 1)
Assessor
Padre Acácio Carlos (Oeste 1)

Casal Coordenador do Setor Pós-Matrimonial
Ronaldo Miliante e Tatiana Miliante (Leste 1)
Assessor
Padre Leandro Freire (Leste 1)

Casal Coordenador do Setor Casos Especiais
Afrânio Soares e Flávia Soares (Norte 1)
Assessor
Padre Fernando Francisco (Sul 1)

Autor: Pastoral Familiar

Compartilhar esta matéria no

1 Comment

  1. Fizemos um trabalho de apresentação no power point e mostra didaticamente o guia de implantação a partir do 5º encontro, o guia é bem explicativo, mas difícil de entender nas paróquias. Não só os agentes quando ve sente que parece que é muita novidade mas também os coordenadores, pois a apresentação é muito lógica, fazemos o trabalho paroquia por paróquia e onde passamos a pastoral vai sendo entendida e praticada, conseguimos reunir mensalmente as paróquias para troca de experiencia e espiritualidade chagamos a 120 pessoas mensalmente.
    Já apresentamos este trabalho para bastante coordenadores inclusive para os nossos casais Regional e Nacional.
    Temos certeza que não somos os únicos que temos alguma coisa para apresentar, pensamos que nos encontro deveria ter varias salas para que possamos apresentar os trabalhos existente. isso é o que fortalece a Pastoral Familiar.
    Achamos que muitos dos nossos coordenadores vem de equipes e movimentos, mas eles as vezes não entende que a estas equipes e movimentos já estão prontos e que a Pastoral familiar tem que ser construída, e isto faz da pastoral na paroquia existir a muito tempo e não sai do lugar.
    Temos certeza que o guia de implantação deve ser a base da pastoral.
    Grato.
    Paulo Sbragi e Maria G.B.Sbragi
    Limeira – SP

    Post a Reply

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.