Dom João Carlos Petrini envia mensagem sobre o “Hora da Vida”

Vdeo_Hora_da_VidaEm vídeo mensagem, o presidente da Comissão Episcopal para a Vida e a Família da CNBB e bispo de Camaçari (BA), dom João Carlos Petrini, convida toda a sociedade para celebrar a “Semana Nacional da Vida”, no mês de outubro. “Compreender e admirar são passos necessários para acolher e respeitar a vida, para superar a visão da cultura dominante que tende a banalizar e a considerar de maneira superficial”, disse dom Petrini.

Confira o vídeo de Dom Petrini: http://youtu.be/r_BMd4skv0g

Vida e Missão

A Semana Nacional da Vida foi instituída em 2005 pela 43ª Assembleia Geral da CNBB. O Dia do Nascituro celebra o direito à proteção da vida e saúde, à alimentação, ao respeito e a um nascimento sadio. Visando auxiliar na organização e vivência das atividades de evangelização destas datas, a Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB e Comissão Nacional da Pastoral Familiar oferecem o subsídio “Hora da Vida” 2014.

A edição 2014 traz como tema de reflexão “Vida e Missão: lançar as redes em águas mais profundas”, propondo sete encontros, com diferentes abordagens. O primeiro tema é “Vida e cultura do encontro”, tendo como base os ensinamentos da primeira Exortação Apostólica do papa Francisco, “Evangelli Gaudium”. Outras temáticas são sugeridas para as reuniões em grupos como responsabilidade política e social, educação para o amor, memória e gratidão; todos eles voltados para a reflexão sobre a vida.

Hora da Vida 2014

O subsídio está disponível para venda com os casais coordenadores paroquias, diocesanos e regionais da Pastoral Família e pelo site www.lojacnpf.org.br. Pedidos também podem ser feitos pelos telefones (61) 3443 2900 / Fax: (61) 3443-4999 ou por e-mail vendas@cnpf.org.br

Autor: PastoralFamiliar

Compartilhar esta matéria no

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.