Prevenção: “A vida e a sexualidade são dons de Deus”

Nesta reflexão apresentada pelo bispo da diocese de Campos (RJ), dom Roberto Francisco Ferreria Paz, é destacado o valor da vida e da sexualidade como dons de Deus. “A luta contra o vírus da AIDS demanda amor exigente e solidariedade incondicional”, enfatiza o bispo. Leia a íntegra do texto:

Cuide bem de você e de todos os que você ama”

Com este convite a proteção e ao cuidado foi lançada com apoio da CNBB a Campanha preventiva da Pastoral da AIDS, que visa sensibilizar em torno a testagem de HIV/ AIDS. Cifras aproximadas estimam que 720.000 pessoas vivem com HIV/AIDS em nosso pais, que 150.000 vivem com HIV e não sabem e 350.000 estão em tratamento, sendo vários os casos por transmissão vertical (de mãe para filho).

O teste permite um diagnóstico precoce e possibilitar um tratamento que impeça o desenvolvimento da doença e garanta uma continuidade de vida saudável. Tem havido um melhoramento significativo graças a novas medicações e a maturidade no enfrentamento a doença, vencendo preconceitos e idéias errôneas em torno as pessoas atingidas. A vida e a sexualidade são dons de Deus que precisam ser reverenciados e acolhidos com responsabilidade, protegendo e amparando as pessoas que estão sob o nosso cuidado.

A luta contra o vírus da AIDS demanda amor exigente e solidariedade incondicional, pois só a compaixão e a ternura testemunham a preciosidade e sacralidade da vida humana. Já vencemos as barreiras do isolamento e da discriminação, é necessário superar a indiferença ou o descompromisso pois a salvação das pessoas está em primeiro lugar.

Assumir esta campanha é ajudar a gerar a cultura do encontro, a civilização do amor responsável, do cuidado compassivo e da saúde integral. A aliança pela vida plena do Reino exige novas atitudes e gestos, que passam sem dúvida pela atenção amorosa e a acolhida aberta e generosa a todas as pessoas, identificando-nos com o olhar e o agir do Pai de bondade anunciado por Jesus Cristo.

Que o Senhor da Vida nos permita estar sempre a serviço dos nossos irmãos soropositivos, ajudando na cura, acompanhando e prevenindo a doença, revelando a beleza e o sentido mais profundo da nossa caminhada rumo ao Reino definitivo de paz, justiça, solidariedade e misericórdia. Deus seja louvado!

Autor: PastoralFamiliar

Compartilhar esta matéria no

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.