Defensora da vida: madre Teresa será canonizada

1974, Calcutta, West Bengal, India  --- Mother Teresa with a child from the orphanage she operates in Calcutta. Mother Teresa (Agnes Gonxha Boyaxihu), the Roman Catholic-Albanian nun revered as India's "Saint of the Slums," was awarded the 1979 Nobel Peace Prize.  --- Image by © Nik Wheeler/Sygma/Corbis

O Vaticano comunicou hoje, 15, a decisão do papa Francisco em canonizar madre Teresa de Calcutá, no dia 4 de setembro. A informação ocorreu durante abertura do Consistório, mas sem o local da celebração, que poderá ser realizada no Vaticano ou na Índia.

Também serão canonizados outros quatro beatos: Estanislau de Jesus Maria (João Papczyński) e Maria Elisabeth Hesselblad, em 5 de junho, e José Sánchez Del Río e José Gabriel Del Rosario Brochero , no dia 16 de outubro.

Milagre no Brasil

O processo de avaliação do milagre atribuído à madre Teresa foi concluído em julho deste ano. O fato ocorreu no Brasil, após cura inexplicável de um homem, morador de Santos (SP), em meados de 2008. Na época, ele tinha 35 anos e sofria de grave doença cerebral. Após pedir a intercessão da beata, teve recuperação imediata.

Madre Teresa nasceu em 1910 em Skopje, território albanês, atualmente capital da Macedônia, e morreu em 1997 em Calcutá, na Índia. Anjezë Gonxhe Bojaxhiu, nome de batismo da beata, recebeu o Prêmio Nobel da Paz em 1979 por sua atuação missionária. É considerada a missionária do século XX, sendo fundadora da congregação “Missionárias da Caridade”. Em sua trajetória, atuou na defesa do controle de natalidade e posições contrárias o aborto e da contracepção.

CNPF com informações da Rádio Vaticano.

Autor: PastoralFamiliar

Compartilhar esta matéria no

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.